chamada gratuita

💡Poupe na sua fatura de luz e gás!

Serviço gratuito de comparação de tarifas de luz e gás:

de 2ª a 6ª - 8h00 às 21h00 | Sábado e Domingo - 9h00 às 19h00

Que ar condicionado escolher? Tipos e consumo dos ares condicionados

Ar Condicionado

Saiba como escolher o melhor ar condicionado para sua casa. Conheça os tipos de ares condicionados no mercado e o que ter em conta na hora da decisão. Veja ainda quanto gasta o ar condicionado e como reduzir o seu consumo energético.


Quais os tipos de ar condicionado no mercado?

Para saber qual o melhor ar condicionado para si, deve conhecer primeiro os vários tipos existentes no mercado e atender às suas funcionalidades, potências, níveis de desempenho e eficiência energética.

Comecemos por ver alguns dos tipos de ares condicionado mais escolhidos no mercado: portátil, split ou multisplit.

Ar condicionado portátil

Ar condicionado portátil

É um aparelho móvil que necessita de ficar perto de uma janela com tubo para o exterior.

Ar condicionado split

Ar condicionado Split

É ideal para uma compartimento e é formado por uma unidade interior e outra exterior.

Ar condicionado Multisplit

Ar condicionado Multisplit

É formado por uma unidade exterior e entre duas a cinco interiores. Permite ter ar condicionado em várias divisões da casa com apenas uma unidade exterior

Note que tanto os ares condicionados multisplit como os split, necessitam de uma instalação feita por técnicos certificados.

Tem dúvidas sobre o que é a tecnologia inverter? Veja as diferenças entre o ar condicionado inverter e o tradicional.

Agora que já conhece os ares condicionados mais comuns, importa saber as diferentes funcionalidades que existem.

Funcionalidades do ar condicionado

Ainda, dentro dos tipos de ares condicionados, podemos encontrar diversas funcionalidades. Ora veja:

  • Modo Dry - Função desumidificadora;
  • Modo Cool ou Modo Heat - Possibilidade de selecionar a temperatura na função de refrigeração ou aquecimento;
  • Modo Auto - Possibilidade de refrigeração ou aquecimento automático, em função da temperatura do ar;
  • Modo Timer - Possibilidade de programar uma hora para o início e o fim de funcionamento do aparelho;
  • Modo Fan - Ventilação do ar existente num certo espaço;
  • Velocidade da ventoinha - Programação da velocidade de rotação das ventoinhas, com controle manual ou automático;
  • Modo Turbo - Exclusivo nos modelos inverter, este modo permite trabalhar à máxima velocidade em certas fases, como por exemplo no início do arrefecimento de uma divisão.

Ar condicionado inverter vs Ar condicionado tradicional

Comecemos por comparar o ar condicionado inverter com o ar condicionado convencional:

Ar condicionado

Ar condicionado inverter Ar condicionado tradicional
  • Tem um circuito inteligente de climatização contínua evitando picos de energia;
  • Permite atingir a temperatura desejada rapidamente;
  • O fluxo de ar é contínuo e agradável;
  • Mais silencioso;
  • Utiliza gás não poluente;
  • Custo inicial mais elevado;
  • Manutenção mais complexa com necessidade de recurso a profissionais especializados.
  • Tem um circuito de climatização liga/desliga funcionando com picos de energia;
  • Demora mais a atingir a temperatura desejada;
  • O fluxo de ar é mais intenso e irregular;
  • Mais ruidoso com frequentes arranques do compressor;
  • Investimento inicial mais económico;
  • Manutenção mais simples.

Como pode ver, o ar condicionado inverter apresenta inúmeras vantagens quando comparado com o ar condicionado tradicional.

Os equipamentos com a tecnologia inverter, apesar de serem mais caros, apresentam características que o possibilitam maximizar a eficiência e poupar até 60% no consumo energético.

Ar condicionado Inverter

Este é um exemplo de um ar condicionado inverter. Como pode ver, a nível estético, é bastante semelhante ao ar condicionado tradicional. Assim, se optar por comprar um inverter, deve ter em atenção as suas características e garantir que inclui esta tecnologia.

Quais os fatores a ter em conta na compra de um equipamento de ar condicionado?

Agora que conhece os tipos de ares condicionados e as diversas funcionalidades que estes podem ter, importa perceber os fatores que dever ter em conta na compra do melhor ar condicionado.

  • Fatores a considerar na compra de um equipamento de ar condicionado:
  • O local da instalação;
  • A dimensão da divisão que pretende aquecer ou refrigerar;
  • A potência do equipamento e o cálculo de BTU's;
  • A eficiência energética;
  • O consumo energético do ar condicionado.

Note que deve dar preferência a um ar condicionado A+++, ou com etiqueta energética de Classe A, de forma a garantir a sua máxima eficiência energética.

BTU (British Thermal Unit) é a unidade de medida utilizada para determinar a potência do ar condicionado. Para calcular os BTU's necessários para a área que pretende, deve ter em conta a seguinte tabela:

Cáculo BTU's

Área (m2) BTU's (contexto residencial)
9 m2 a 12 m2 7.000 BTU's
15 m2 9.000 BTU's
20 m2 12.000 BTU's
25 m2 15.000 BTU's
30 m2 18.000 BTU's
35 m2 21.000 BTU's
40 m2 24.000 BTU's
45 m2 27.000 BTU's
50 m2 30.000 BTU's

Os valores indicados na tabela são aproximados. Saiba que fatores como a exposição solar, os ocupantes do espaço e o pé direito da área em questão influenciam a potência ideal do equipamento.

É importante que escolha um equipamento ajustado às suas necessidades. Ainda assim, saiba que quanto maior forem os BTU's do ar condicionado, maior será a potência de aquecimento e arrefecimento e, consequentemente, maior o consumo energético.

Consumo do ar condicionado em euros e kWh

Uma das maiores preocupações relacionadas com o ar condicionado é o seu impacto na fatura da luz no final do mês. Mas afinal, qual é o consumo do ar condicionado?

Para calcular o consumo do ar condicionado siga os seguintes passos:

  1. Pegue numa fatura de eletricidade e veja qual o preço do €/kWh. Este valor vem indicado na sua fatura, normalmente nos detalhes relativos ao consumo energético. Por exemplo: 0,14160 €/kWh.
  2. Para saber o consumo do ar condicionado, consulte o livro de características do equipamento e encontre a potência do ar condicionado (normalmente indicada em watts). Por exemplo: 800 W.
  3. Deve agora passar a unidade watts para kW, da seguinte forma: Watts x 0.001 = kW . Por exemplo: 800 W x 0.001 = 0,8 kW
  4. Por fim, multiplique o preço do consumo energético (1. €/kWh) pela potência do ar condicionado em kW (3. kW) e, pelas horas que costuma ter o equipamento ligado. Por exemplo, 8h.

0,14160 €/kWh x 0,8kW x 8h = 0,90€

A este valor não se esqueça de adicionar os impostos e taxas de eletricidade. Por exemplo, se o IVA a pagar na fatura for de 23%, deve multiplicar o valor sem IVA por (1 + 0,23). Isto é, o consumo do ar condicionado em euros seria de:

0,90€ x (1 + 0,23) = 1,10€ por ter o ar condicionado a funcionar durante 8h

Vantagens e desvantagens do ar condicionado

Ar condicionado

Vantagens Desvantagens
  • Solução para arrefecimento e aquecimento eficiente;
  • Pode incluir funções de tratamento de ar como purificação e desumidificação;
  • Rapidez a atingir a temperatura desejada;
  • Multifuncionalidade: capacidade de incluir diferentes funcionalidades num só equipamento.
  • Requer uma utilização consciente e responsável com o risco de haver um consumo energético significante e consequente aumento da fatura da luz;
  • Não é indicado para pessoas com problemas respiratórios;
  • Necessidade de manutenção para garantir a qualidade do ar.

Economize com o ar condicionado Ajuste a temperatura do equipamento para 21ºC no Inverno e 25ªC no Verão. O ar condicionado será mais eficiente e refletirá poupanças significativas na sua fatura da luz.
Sabia que o consumo energético aumenta 7% cada vez que aumenta a temperatura em apenas 1ºC?. É verdade! Evite mudanças de temperatura e extremos quando regula o frio e o quente do ar condicionado.

Ar condicionado: Perguntas Frequentes

O que são BTU’s?

BTU (British Thermal Unit) é a unidade de medida que indica a potência de um ar condicionado. Quanto maior forem os BTU's, maior será a potência e o consumo energético do equipamento.

Qual é a diferença entre o ar condicionado monosplit e multisplit?

O ar condicionado monosplit é ideal para climatizar uma divisão e é composto por uma unidade interior e outra exterior. Já o ar condicionado multiplit foi pensado para climatizar mais do que uma divisão (até 5 unidades interiores) através de apenas uma unidade exterior.

Qual é o consumo do ar condicionado em euros e kWh?

Veja como fazer as contas do consumo do ar condicionado e saiba quanto lhe vai custar ter este equipamento ligado durante o Verão.

Posso fazer a instalação do ar condicionado sozinho?

Segundo o Decreto-Lei 145/2017, todas as instalações de equipamentos de ar condicionado devem ser feitas por técnicos certificados.

De quanto em quanto tempo devo fazer a manutenção do ar condicionado?

A manutenção do ar condicionado deve ser feita de acordo com a sua utilização. A troca dos filtros deve respeitar a periodicidade indicada pelo fabricante para garantir o bom funcionamento do aparelho.

Qual a temperatura ideal do ar condicionado no Verão e no Inverno?

A temperatura ideal do ar condicionado no Verão é de cerca de 25ºC. No Inverno, deve regular o equipamento para temperaturas entre os 19ºC e os 21ºC.

Atualizado em